Raças de Cachorros || Border Collie

Border Collie
Border Collie

O Border Collie é a raça canina mais inteligente do mundo. Juntamente com a esperteza, a responsabilidade e agilidade são outros traços que atraem pessoas que desejam um cachorro ativo e muito brincalhão.

Características do Border Collie

  • Pelo: Moderadamente longo, denso, macio e liso
  • Cor: A variedade de cores é permitida. O branco jamais deverá ser predominante
  • Grupo: Herding
  • Porte: Médio e Grande
  • Altura: 45 e 55 cm
  • Peso: 15 e 23 kg

Comportamento do Border Collie

Energia física e mental são traços dominantes nesta raça. Ela precisa estar sempre ocupada, por isso, exercícios físicos são necessários para manter seu porte atlético. Se você não está disposto a passar várias horas do seu dia brincando e estimulando o cão, este cachorro não é ideal para a sua rotina.

O Border Collie é extremamente sensível aos comandos do seu dono e disposto a aprendê-los. Um apito ou um sinal com a mão já são suficientes para que ele execute algum truque.

O mesmo vale para a relação do Border Collie com outros cachorros. Como sua origem é de pastoreio, ele é capaz de impor sua autoridade através do olhar.

A raça é bastante sociável com humanos e animais, mas atenção: seu instinto é de caça, por isso evite mantê-lo perto de roedores e acostume o convívio com gatos desde a sua infância. Normalmente, em ambientes com mais de um cachorro, o Border Collie se tornará o líder da casa.

Mas não deixe que esta característica afete o seu papel de líder da matilha. Você precisará mostrar ao cão que é mais inteligente do que ele.

Conhecer pessoas novas pode ser uma atividade mais complicada para o Border Collie, isso acontece porque as raças de pastoreio possuem temperamento protetor. Para evitar que esta tendência se transforme em um comportamento violento na presença de novas pessoas, busque sempre a sociabilização desde filhote. Se o cão já for adulto, busque ajuda profissional.

Origem do Border Collie

A raça é bastante nova e foi criada há aproximadamente um século nas fronteiras inglesas e escocesas. O objetivo foi desenvolver um cão inteligente e ágil para o pastoreio de ovelhas. Seu nome foi registrado oficialmente em 1915, mas somente 80 anos depois, em 1995, que a AKC reconheceu oficialmente seus valores estéticos.

Cuidados com o Border Collie

Como citado anteriormente, exercícios físicos regulares e de alta intensidade são essenciais para o bem-estar canino. Tutores atléticos e que costumam praticar esportes como corridas terão no Border Collie um excelente companheiro de aventuras.

Viver em apartamento não é indicado para esta raça, mas se for necessário dobre o número de passeios diários.

Os banhos devem ser dados mensalmente. Esta raça não exige tosa ou cuidados especiais, apenas escovação semanal dos seus pelos e higienização frequente dos dentes. Seu pelo não costuma cair muito, somente nas épocas de troca de pelagem. As fêmeas soltam um pouco mais de pelo, normalmente próximo ao cio.

O corte das unhas deve ser feito conforme a necessidade.

O Border Collie não costuma latir excessivamente, apenas quando está muito animado com as brincadeiras ou nota algo estranho no ambiente.

← VOLTAR

Publicidade

Concurso de Fotos para Cachorro