Raças de Cachorros || Bearded Collie

Bearded Collie
Bearded Collie

Em tradução livre, Bearded Collie seria Cão Pastor Barbudo, nome originado da grande quantidade de pelo abaixo da sua boca, lembrando um senhor com barba. A raça é muito companheira, ativa e amorosa, inclusive com outros cachorros.

Características do Bearded Collie

  • Pelo: Longo, denso, pesado e nivelado
  • Cores: Cinzas, Cinzas azulados, prateado, marrons em vários tons
  • Grupo: Herding
  • Porte: Médio
  • Peso: 18 a 27 kg
  • Altura: 51 a 56 cm

Comportamento do Bearded Collie

Por causa da sua origem de cão pastor, o “Collie de barba” possui uma postura sempre alerta e pode ser usado como cão de alerta para avisar sobre pessoas estranhas que se aproximam. Porém, ele não deve ser usado como cão de guarda, no intuito de proteger as residências, porque não será agressivo com nenhuma pessoa ou outro animal.

Esta origem faz com que ele conviva muito bem com outros cachorros. Ele poderá, inclusive, pastoreá-los e conduzi-los pela casa.

Seu temperamento sociável, paciente bastante alegre tornam o cão ideal para conviver com crianças e idosos, já que dificilmente apresentará agressividade e territorialismo. Atende aos comandos com mais facilidade e não costuma seguir apenas um único dono.

Uma das coisas que o Bearded Collie mais gosta é brincar com sua família. A raça não é recomendada para quem não gosta ou não dispõe de tempo para correr e jogar bolinhas. Se isto acontecer, ele direcionará sua energia para a destruição da casa.

O animal não costuma ser muito silencioso. Além de latir para alertar sobre algo estranho, também emite sons quando está bravo ou muito animado.

A energia excessiva faz com que este animal não seja adequado para convívio em apartamentos. A raça precisa morar em uma casa com acesso a um quintal ou espaço que permita exercícios diários.

Origem do Bearded Collie

A origem exata do Bearded Collie é alvo de muito questionamento, mas sabe-se que a raça descende do Highland Collie e do Owczarek Nizinny, um cão polonês de meados de 1500 – época em que cachorros eram negociados por carneiros e ovelhas. Ao serem cruzados com os Collies locais, demonstraram ter uma ótima capacidade para pastoreio e começaram a ser usados por fazendeiros, conduzindo rebanhos para feiras nos séculos 17 e 18.

As normas da raça foram escritas em 1912 e ela chegou aos Estados Unidos no final de 1950. O Bearded Collie foi reconhecido oficialmente pelo American Kennel Club em 1976.

Cuidados com o Bearded Collie

Passeios diários e muita brincadeira fazem parte dos cuidados para manter o bem-estar mental do Bearded Collie. Em residências, ofereça acesso livre ao quintal ao longo do dia para que ele possa se exercitar. Caminhadas por parques e fazendas também são atividades que o ajudarão a retornar às suas origens de pastoreio.

Os cuidados com a pelagem devem ser constantes. Escove o cão ao menos uma vez por semana, removendo os pelos mortos e evitando a formação de nós. Quando retornar de passeios externos, aproveite para conferir se alguma sujeira ficou acumulada em suas longas e peludas orelhas.

Sua pelagem é isolante térmica e se adapta a qualquer condição climática, tolerando o calor e o frio extremos.

← VOLTAR

Publicidade

Concurso de Fotos para Cachorro